Parabens! R$10 serão adicionados ao seu saldo depois de registração

Como fazer um relatório: modelos e exemplos

 

Sumário rápido:

 

Se você deseja saber como fazer um relatório, ou, relatar algo, seja um passeio, uma atividade ou apenas descrever algo, você irá utilizar um relatório. O relatório, como o nome já sugere, serve para que a pessoa relate algo ocorrido, como por exemplo uma rotina de uma empresa, um relato do estágio, as possibilidades são várias.

Assim, ela vai relatar de forma expositiva através de um texto os dados, os assuntos daquele determinado elemento que pretende descrever. Mas se você quer saber como escrever um relatório e não sabe como, não se preocupe.

Aqui nesse texto você vai descobrir como elaborar um relatório. Acompanhe.

Como funciona

Estudante cria o pedido

Estudante cria o pedido

Escritores dão ofertas

Escritores dão ofertas

Estudiante contrara o escritor

Estudiante contrara o escritor

ESCRITOR COMEÇA A TRABALHAR

ESCRITOR COMEÇA A TRABALHAR

Calculadora de Preço
Nós temos os melhores preços, veja por si mesmo!
Data de entrega
Especifique quando gostaria de receber o projeto do especialista. Deixe mais alguns dias se precisar que o mesmo seja revisado. Você terá 20 dias de garantia para solicitar quaisquer revisões, gratuitamente.
Páginas
Palavras
+
Nosso Preço
Nosso preço é calculado com base em dados estatísticos retirados das ofertas do escritores da Studybay
Preço dos concorrentes
Nós coletamos e analisamos dados da média de preços oferecidos pelos websites concorrentes
R$ 0 MELHORES PREÇOS
R$ 0

Se você quer uma definição bem curta e objetiva, saiba que, segundo a ABNT, um relatório é um “documento que descreve formalmente o progresso ou resultado de pesquisa científica e/ou técnica”. Bem direto, não é mesmo?

Ainda que você não saiba o que é um relatório, saiba que ele é um dos trabalhos mais utilizados em vários ambientes, não só no acadêmico. Empresas, estágios e outros setores utilizam esse documento como maneira de tomar decisões seja para corroborar um motivo de uma demissão, seja para demonstrar a necessidade de aquisição de um novo projeto, para contratar novos serviços e por aí vai.

O fato é que esse documento é de extrema importância. Então, se você souber como fazer um relatório, você sairá na frente de vários concorrentes no mercado de trabalho.

Dessa maneira, um relatório nada mais é do que descrever por escrito um relato que você faria de oralmentel, ou seja, nesse documento você vai descrever um fato ou uma situação, apontando dados, características e fatos que são importantes para compor a sua visão. Diferente de um relato oral onde o transmissor acaba se perdendo na narração, o relatório serve justamente para que o autor conte de maneira clara, resumida e concisa os fatos, facilitando o entendimento do leitor.

Nessa esteira, ao elaborar um relatório por exemplo de pesquisa de mercado, o autor estará auxiliando a empresa a tomar uma decisão de forma embasada, pois com esse relatório de mercado é possível aferir como está a procura de determinado objeto, como está a demanda dele, ou qual setor está mais em alta no momento, e uma infinidade de informações, auxiliando na tomada de decisão.

Para que se entenda melhor o significado de relatório, pense que ele é uma espécie de redação, que deve ser escrita de forma técnica, mas também expositiva, utilizando de narração e descrevendo o conteúdo que se pretende relatar. Vale ressaltar, ainda, que apesar de ter esse caráter descritivo, ele é passível de ter uma crítica, desde que ela esteja muito bem fundamentada, com boas fundamentações. Além disso, essa crítica deve ser relevante, para aí poder fazer parte de um conteúdo dessa natureza.

Assim, para que fique claro o relatório tem por finalidade descrever, expor a produção de conhecimento. Como se trata de um registro formal de uma narrativa, deverá ser usada a norma culta da língua portuguesa. Tenha em mente que apesar de ser um texto relativamente fácil de ser redigido, ele ainda é um documento técnico, que será avaliado por um terceiro. Uma dica nesse tipo de projeto: o relatório deve ser escrito com verbos no pretérito, uma vez que narra fatos que já aconteceram, essa é a linguagem correta.

Apesar de ser uma espécie de documento muito exigida em exercícios escolares, como já dissemos ela está presente no mercado de trabalho, bem como esse gênero textual está presente também em cursos de graduação e pós-graduação,. Lembre-se sempre que o relatório deve respeitar as normas cultas da língua portuguesa, além de ser redigido de forma clara e concisa.

Como Fazer um Relatório?

Já explicamos o que são relatórios. Nada melhor do que passar a explicar como fazer um relatório. Não há segredo, nem mágica na fórmula de elaboração de um relatório, porém há algumas dicas que separamos aqui que te ajudarão na hora da introdução do relatório.

Na verdade, pode ser mais simples do que parece de início. Você pode encontrar um modelo de relatório em vários lugares. Uma dica que vale não somente para esse tipo de documento, mas para vários outros é antes de começar sempre fazer um rascunho, coloque os pontos fundamentais que deverão constar de forma cronológica, ou seja, da forma em que eles irão aparecer em seu texto.

Você vai perceber que ao salientar esses pontos que deverão constar em seu texto, quando você for de fato escrevê-lo você vai lembrar de usá-los e também vai facilitar o desenvolvimento da sua escrita, evitando que você se perca no caminho.

Outro passo se você quer saber como começar um relatório, é reunir em um papel todas as informações pertinentes ao seu objeto de relatório, antes de escrever de fato. Separe todas as informações que puder encontrar sobre ele, seja através de livros, artigos, ou até mesmo pesquisas realizadas, você irá juntar esses dados em uma folha, porque aí quando começar a escrever de fato, poderá pegar as informações do seu próprio papel, ao invés de ficar toda hora parando para consultar uma fonte diferente, você observará que esse processo vai acelerar bastante a sua escrita.

O próximo passo é pegar essas informações que você separou e colocá-las em ordem cronológica, ou na ordem em que serão necessárias em seu texto. Como já falamos isso vai acelerar seu processo de escrita, e te ajudará a não deixar nenhuma informação de fora.

É interessante separar em parágrafos, como introdução, na qual você falará um pouco do objeto do seu relatório, no desenvolvimento, no qual você vai discorrer sobre o objeto, os resultados e a conclusão a que você chegou depois da pesquisa sobre ele, e por fim a conclusão. Como já dissemos, é possível você expor a sua opinião em alguns relatórios, e se seu relatório for do tipo opinativo agora é o momento de você expor sua opinião, suas conclusões, ou fazer alguma recomendação, a depender se o relatório for de gestão, ou de algum outro tipo que comporte essa finalização.

Por último, obviamente é chegada a hora de redigir o conteúdo de fato, faça isso de forma descritiva, concisa e clara. Lembre-se que você está descrevendo algo para que um terceiro entenda, clareza é tudo. Outro ponto importante é o autor evitar emitir opinião pessoal que não seja embasada em fatos. Apesar de ser um gênero textual descritivo, deve evitar opinião pessoal na hora do relato.

Estrutura de um Relatório

Nessa ótica, uma vez que já te explicamos o que é um relatório e alguns tipos existentes, vamos ao que importa. Bem, os relatórios feitos de acordo com a ABNT são similares ao trabalho acadêmico. Vários dos elementos são comuns aos dois, como você poderá ver a seguir.

Sabemos que pode parecer um bicho de sete cabeças estruturar esses tipos de trabalho, por isso mesmo vamos te mostrar aqui exemplos simples de como fazer um relatório..

O básico é o mesmo, podendo modificar algumas informações mediante exigência própria da faculdade ou empresa. Vamos conferir.

1. Capa do Relatório

A capa da maioria dos trabalhos acadêmicos segue as exigências da instituição, regras de como fazer um relatório. Por isso, além de verificar as normas para capa de relatório pela ABNT, verifique com sua Universidade a estrutura de escrita exigida. De uma forma generalizada a capa sempre contém o nome do autor do texto, a instituição a que pertence, a titulação do relatório, local, data e o curso. Lembre disso: a capa dos relatórios, segundo a ABNT, é opcional.

2. Folha de Rosto

Nem todos contém a folha de rosto, mas se você optar por fazer, ou for requerido que seja confeccionada uma das informações contidas nela são similares às da capa, como nome da instituição, título do relatório, o nome do autor ou autores, local e data.

3. Resumo

Como o nome sugere, o resumo de relatório é uma pequena parte do relatório em si. É nele onde os conceitos mais importantes e os pontos fundamentais do relatório devem estar presentes. Imagine o seguinte, alguém precisa entender de forma rápida sobre o que o seu relatório se trata, o que pode ser feito? Simples, ler o resumo de um relatório.

4. Sumário

O sumário é uma listagem de cada uma divisões e das seções do texto, exatamente na mesma ordem e com o mesmo destaque gráfico que aparecem no material.

5. Introdução de Relatório

A introdução desse gênero textual serve para que você apresente os objetivos do conteúdo que será apresentado, qual atividade foi desenvolvida durante a pesquisa, se foi um questionário, se foi uma pesquisa de campo. Aproveite esse momento textual para descrever com riqueza de detalhes o conteúdo que vai ser tratado, além disso é a hora de conceituar, definir e especificar o objeto que será retratado, utilize fontes que tragam embasamento a sua redação. Além disso, justifique a importância da realização desse relatório.

Exemplo de introdução:

“O presente relatório de Estágio Supervisionado do curso de Direito da Faculdade de Salvador, possui como objetivo solucionar demandas jurídicas sob a supervisão da gestão do escritório de advocacia, onde foi realizada a pesquisa. Para tanto foi utilizada a metodologia tal, como forma de realizar a coleta de dados.”

6. Desenvolvimento

No desenvolvimento, ou seja, no corpo do texto em si é hora de você trazer informações quanto aos objetivos, os materiais utilizados, qual método foi aplicado, se houver gráficos, questionários e tabelas elas serão expostas aqui. Vamos te explicar cada um deles aqui.

Objetivos

Os objetivos se dividem em dois: objetivos gerais e objetivos específicos. Os objetivos gerais como o nome já sugere tem por fito informar fazendo um apanhado geral do porque esse trabalho é importante, porque ele tem que ser desenvolvido. Já os objetivos específicos vão demonstrar de forma esmiuçada todas as etapas do trabalho que levarão até a obtenção do objetivo geral;

Métodos e materiais

Métodos e materiais utilizados, nesse parágrafo você terá que relatar todo material que foi utilizado na confecção do texto, além de descrever quais os métodos, ou seja, as técnicas que você utilizou. Seja bem detalhista nessa parte;

Resultados

Resultados, caso seja necessário, é nesse momento que você irá utilizar gráficos e tabelas para demonstrar os resultados obtidos com a confecção desse trabalho, se você utilizar tabelas ou gráficos terá que fornecer um título para elas, deixando o leitor saber do que se trata. Além disso, toda vez que for iniciar o parágrafo com um resultado deve explicar ao leitor como chegou àquela conclusão, narrando com riqueza de detalhes.

7. Conclusão de Relatório

Bom nesse momento é a hora de finalizar o relatório. Nessa parte você irá unir a conclusão com os dados coletados durante a pesquisa, afinal foi através desses dados que você chegou às conclusões. Nesse momento, a depender do modelo de relatório feito há a possibilidade de trazer recomendações também.

Lembrando que as considerações finais de um relatório devem ser expostas de maneira clara, objetiva, correlacionando a resposta encontrada com os dados colhidos. Se for fazer uma recomendação esta também deverá ser exposta de forma clara com indicação de ordem prática, e relacionada aos resultados a que se chegou.

Exemplo:

“Por meio desse estágio supervisionado realizado no Escritório de Advocacia foi possível conhecer melhor a realidade das demandas jurídicas nesses escritórios, assim como entender as dificuldades que esses profissionais enfrentam no dia-a-dia.”

Portanto, quando for construir essa parte do trabalho, pense dessa forma: Eu quero passar rapidamente o que o meu relatório diz a respeito. Como fazer isso? Como explicar em algumas linhas um trabalho tão grande? Como fazer um resumo de relatório perfeito? Ao responder essas perguntas você terá a informação para o seu resumo. Fazer um relatório desse tipo não é para ser complicado.

8. Referências

Poucas pessoas pensam nas referências quando estudam como fazer um relatório acadêmico, mas elas são bastante importantes. Nesse momento você irá dar crédito a todos os autores que usou para basear seu texto, seja sua fonte livros, artigos, links da internet, dentre outros. Lembrando sempre que você deve fazer a lista desses autores ou links online em ordem alfabética. Aqui vemos que fazer um relatório não é tão diferente de outros trabalhos.

Exemplo:

PEDROSA, Mario. Desafios da advocacia: uma questão pragmática. 4. ed. Sarmento: Vazio, 2020.

Segundo a norma ABNT 10719, os elementos obrigatórios da estrutura dos relatórios são: folha de rosto, resumo, sumário, introdução, desenvolvimento, considerações finais e referências.

Normas da ABNT para o Relatório

Obviamente não poderiam faltar as nossas queridas normas da ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas. Todo estudante acadêmico tem um caso de amor e ódio com as normativas da ABNT.

Existe uma norma específica da ABNT para esses documento. É a NBR 10719, Relatório Técnico e/ou Científico - Apresentação, de 2015. A ABNT é essencial para fazer um relatório e qualquer outro trabalho avaliativo.

Mas, não esqueça de consultar as instruções e diretrizes de sua instituição, caso ela tenha. Quando as instituições não elaboram seus próprios manuais com diretrizes, o mais recomendado é seguir a ABNT por inteiro.

Além da NBR 10719, outras normas são necessárias para as diversas seções do relatório ABNT:

  • NBR 6023, Referências – Elaboração

  • NBR 6024, Numeração progressiva das seções de um documento escrito

  • NBR 6027, Sumário – Apresentação

  • NBR 6028, Resumo – Apresentação

  • NBR 10520, Citações em documentos.

Esse gênero textual, deverá ter a sua redação escrita em fonte Arial ou Times New Roman, espaçamento entre linhas de 1,5cm (ou algum outro recomendado pela instituição). Respeite o afastamento do texto com a borda, se utilizar gráficos ou qualquer outro tipo de tabela visual, faça uma legenda ou um título explicando-o, para que o leitor consiga entender.

Respeitar a norma culta da língua portuguesa é essencial, tendo em vista que se trata de um texto técnico, evite uso de gírias e terminologia chula. Porém, caso seja necessário usar uma linguagem mais técnica, faça um referencial teórico e lembre-se de creditar ao final do trabalho caso utilize fontes de outros autores.

Quanto ao número de páginas não existe uma quantidade precisa, importante é abordar todas as atividades que foram desenvolvidas ao longo do período trabalhado, o relatório pode ter quinze folhas ou mais, a depender do tempo de duração, e da área estagiada, e das atividades desenvolvidas. O importante mesmo é caprichar no conteúdo.

Modelos e exemplos de relatórios prontos

Além das normas, você pode pesquisar um exemplo de relatório na internet. Existem vários disponíveis que podem servir de inspiração.

Um exemplo de um relatório pronto pode ser o empurrão que falta para destravar suas ideias, mesmo que depois você prefira fazer do seu jeito. Veja o que mais você encontra com uma boa pesquisa no Google:

  • Modelo de relatório online, bastante comum agora, em tempos de atividades remotas.

  • Modelo de relatórios prontos para várias finalidades.

  • Modelo de relatório simples pronto no Word.

Porém, para que fique tudo ainda mais simples e fácil para você, separamos uma série de relatórios prontos nos links a seguir. São materiais técnicos e científicos de diversas áreas do conhecimento. Leia e utilize-os como inspiração:

Por fim, considere a seguinte tabelas de dicas quanto a itens certos e errados quanto à elaboração de relatórios:

Certo

Errado

👍 Comece a escrever fazendo um rascunho.

👍 Reúna de antemão todas as informações complementares e os documentos que você irá precisar.

👍 Elabore um texto descritivo, conciso e claro.

👍 Estruturar o conteúdo em introdução, desenvolvimento e conclusão.

👍 Buscar modelos que possam ser replicados. 

👎 Redigir o relatório sem levar em consideração as normas ABNT ou as diretrizes da instituição para a qual está submetendo o material.

👎 Não anotar as referências que utilizou. 

👎 Preocupar-se apenas com os dados técnicos dos relatórios e esquecer questões de língua portuguesa: coesão, clareza, correção.

Tipos de Relatório

Bem, como já explicamos um pouco sobre o significado do relatório e a importância da sua utilização seja no âmbito escolar, ou em atividade profissional. Vale trazer à baila alguns tipos de relatório para que facilite a compreensão e o entendimento acerca do tema. Vamos conferir:

Individual ou coletivo

O relatório pode ser elaborado por um único autor ou por vários (uma equipe, um grupo de estudo etc).

Simples ou complexo

O relatório simples é curto e objetivo, sem entrar em muitos detalhes sobre o assunto. Já o relatório complexo, além de ser mais extenso, o nível de profundidade e detalhamento é maior. Pode apresentar números, estatísticas, comparações.

Parcial ou completo

O relatório parcial apresentará apenas parte de um conteúdo (exemplo: relatórios parciais de projetos de pesquisa). O relatório completo trará um conteúdo do início ao fim.

Eventual ou periódico

O relatório eventual não tem uma frequência definida, é produzido conforme a necessidade. Já no periódico, existe uma previsão de intervalo para sua elaboração (exemplo: mensal).

Conteúdo

Quanto ao tipo de conteúdo, o relatório pode ter especificidades diferentes, que farão com que ele tenha assuntos bastante próprios. O relatório poderá ser sobre questões econômicas, administrativas, técnicas, políticas ou científicas.

Conclusão

Neste artigo, você aprendeu detalhadamente sobre como fazer um relatório.

Começamos introduzindo todas as definições envolvidas com o conceito de “relatório”. Você ficou sabendo que ele é um instrumento utilizado em diversas áreas, tanto profissionais quanto de estudo.

Na sequência, explicamos como você pode fazer relatórios. Sugerimos algumas dicas para você colocar em prática antes mesmo da escrita, para que você se organize e esteja preparado para o momento da redação.

Depois, falamos bastante sobre a estrutura do documento. A estrutura compreende as diversas partes do relatório, desde a folha de rosto, passando pelo conteúdo da introdução, do desenvolvimento e das considerações finais e finalizando com as referências.

Contamos para você também que existe uma norma específica elaborada pela ABNT para ser aplicada ao relatório técnico ou científico, além de outras normas específicas que também são utilizadas, como a de citações, a de referências e outras. Fizemos a importante ressalva de que, ainda que existam as publicações da ABNT, você sempre precisa verificar quais as orientações locais da sua instituição.

Incluímos também uma relação de links em que você encontrará relatórios prontos, para servirem de modelos e exemplos para seus futuros trabalhos.

Por fim, apresentamos os tipos de relatórios com os quais você pode se deparar, seja no trabalho ou nos estudos.

Esperamos que tenham gostado dos conteúdos teóricos e das dicas. Desejamos sucesso nas atividades e boa sorte!

Fontes para aprofundar a pesquisa:

Normas ABNT:

Perguntas frequentes

Como é feito um relatório?

Um relatório descreve o progresso ou o resultado de uma pesquisa ou de uma atividade. Deve ser feito com folha de rosto, título, introdução, desenvolvimento, considerações finais e referências utilizadas.

Como fazer um desenvolvimento de um relatório?

No desenvolvimento do relatório localiza-se todo o conteúdo propriamente dito. Isso porque ali aparecerá a maior parte do detalhamento do estudo, pesquisa ou atividade em questão. Além disso, no desenvolvimento teremos os dados, resultados e metodologia utilizados.

Como fazer um relatório de um funcionário?

Um relatório de um funcionário deverá conter os resultados da avaliação de desempenho do funcionário em determinado período. Irá variar conforme o tipo de avaliação aplicada.

Checklist

⬜ Defina o tipo de relatório que atende aos seus propósitos: individual ou coletivo, parcial ou completo, simples ou complexo, eventual ou periódico, econômico, administrativo, técnico, político ou científico. Considere o público-alvo ao tomar a decisão.

⬜ O tipo de relatório irá determinar quais documentos e dados você deverá buscar para apoiar sua elaboração e análise.

⬜ Faça um rascunho ou um esqueleto do formato final do texto.

⬜ Redija o texto.

⬜ Faça verificações para determinar se não faltou nenhum dado ou informação relevante.

⬜ Faça a revisão e passe a seus colegas e colaboradores para fazerem a leitura e darem contribuições, além de opinarem sobre a qualidade do conteúdo.

O que é a MyStudybay.com.br

  • Mais de 15 anos de experiência na assistência de redação acadêmica
  • 100% de escrita original
  • Avaliação de cliente de 97%
  • 24/7 FREE customer support via phone and email
  • Política flexível de descontos
  • Serviços VIP disponíveis
  • Todos os temas disponíveis

Atividade do site de hoje

Preparando pedidos
Preparando pedidos
655
Pedidos concluídos
Pedidos concluídos
385
Escritores ativos
Escritores ativos
165836
Revisores
Revisores
159
Programas de desconto disponíveis para clientes
Programas de desconto disponíveis para clientes
6
Avaliações de Clientes
Avaliações de Clientes
58
Operators online
Operators online
13

What we offer

FREE features in every project

grátis

Desconto total: $65

  • Resumo$5
  • Correções*$30
  • Página de título$5
  • Bibliografia$15
  • Formatação$10

Formato

Todos os formatos são disponíveis

Nossos descontos

Preço especial $5 /página

Avaliações de Clientes

 user icon

ÓTIMO ECRITOR, ENTREGOU O TRABALHO SUPER RÁPIDO E COM TODAS A NORMAS DE FORMATAÇÃO EXIGIDAS.
 user icon

Ela escreve muito bem, mas nao se atentou ao anexo solicitado pela faculdade e baseou-se nas conversar de chat o que deixou o trabalho incompleto. Sobre a formatação foi excelente.
 user icon

Fiquei bem satisfeita com o trabalho, cumpriu com o que foi acordado e sempre foi muito atenciosa.
 user icon

Trabalho de excelência!!!!!! Super profissional, e esta super disposta a te ajudar e deixar o trabalho impecável, super indico
 user icon

Excelente escritora! Muito atenciosa e entregou antes do tempo solicitado. Farei outros trabalhos com ela.
 user icon

Ótimo escritor, atencioso, dedicado, realizou um excelente trabalho em pouco tempo. Alem de ter atendido todos os requisitos solicitados no meu trabalho. Recomendo

Está sem tempo para fazer seu trabalho? Fique tranquilo, o fazemos para você. Temos especialistas tanto para trabalhos escolares quanto para dissertações de mestrado/doutorado

Consiga ajuda com qualquer tipo de trabalho