"Sonho noturno do solstício de verão": tópicos, simbolismo e artigo de contraste

Os desenhos fundamentais do Desejo Noturno de um Solstício de Verão são mágicos, sonhos e também a dificuldade do afeto. Ao longo da apresentação, esses conceitos universais serão nutridos em cada cena pela utilização recorrente do contraste. As idéias de Shakespeare são mostradas pelo uso de simbolismos. O desejo de uma noite de verão transmite os temas de amor, sonhos e magia através do uso de comparação e significado durante toda a diversão.

Quando Lysander comenta: "O curso da apreciação nunca foi tranquilo", ele afirma o tema mais importante na performance, o do problema do amor.

As situações apaixonadas da peça ficarão desequilibradas, pois Lysander e Demetrius estão apaixonados exatamente pela mesma mulher, Hermia. Isso deixa Helena simplesmente refletindo sobre a natureza do amor. Ela diz: "O amor não parece com os olhos, bons resultados. A mente", porque ela sente que Demétrio não encontra sua beleza pessoal porque ele está tão ocupado pensando em Hermia. Da mesma forma, o relacionamento entre Tatiana e Oberon está fora de sincronia porque Oberon quer o menino indiano.

Da mesma forma, um desequilíbrio de caráter ocorre quando Tatiana se apaixona pela bunda de Bottom. Todos esses cenários diferentes têm em comum o potencial de harmonia entre todos os adictos e a obtenção de harmonia pode ser a base da peça e necessária para o final alegre esperado.

William shakespeare usa a magia como tema quando usa a magia das fadas, representada pela poção semelhante, para desenvolver circunstâncias hilariantes na performance. A mistura é simbólica do poder sobrenatural de ter prazer e leva à atmosfera única e surpreendente da peça. A poção provoca estragos, no final faz o equilíbrio entre os amantes.

Os sonhos são um tema importante dentro da peça, porque combinam com o maravilhoso caos na floresta. O conceito recorrente dos sonhos é definitivamente evidente se os personagens tentarem explicar eventos estranhos pelos quais estão envolvidos. Por exemplo, se os amantes estão simplesmente na floresta e são despertados por Egeus, Hyppolyta e Theseus, Lysander diz: "Meu Senhor, eu realmente responderei espantosamente: cinquenta por cento do sono, 50% acordando; no entanto, ainda assim, minha esposa e eu juro , Sou incapaz de realmente declarar como vim aqui. "

Parece que Shakespeare estava entusiasmado com Dreams e procurou compartilhar isso com seu público-alvo pelo uso de fadas e magia na floresta. No final da peça, Puck diz: "Se as sombras ofendermos, pense, mas isso - e tudo está consertado -, você ainda dormiu neste artigo enquanto esses tipos de visões executadas aparecem. Que idéia fraca e ociosa, não mais produtivo, mas um sonho. "Dando assim ao público uma sensação de impressão necessária para que o público experimente a atmosfera surreal e fantástica da peça.

Contraste ou talvez oposição é usada durante todo o tempo para desenvolver a estrutura nos tópicos da peça. Oberon é um rei nas fadas pode ser governante na floresta mágica. Sua vontade de vingança contra Titânia leva ao caos. Ao contrário, Teseu, o duque de Atenas simboliza poder e ordem. Além disso, ele é simplesmente visto no início e no final da apresentação e é retirado dos acontecimentos na floresta. A terra sobre a qual eles dominam também é contrastada. Atenas simboliza explicação, enquanto a floresta é um símbolo de um lugar de mistério. O melhor exemplo de contraste visível dentro da peça pode ser quando a linda e graciosa Tatiana se apaixona pela parte inferior grotesca e desajeitada com a cabeça de bunda.

Os símbolos simbolizam dicas abstratas. No desejo de uma noite de verão, Teseu e Hipólita significam ordem. O domínio que eles dominam é o da razão. Oberon e Tatiana guiam um reino de desejos que simboliza quebra-cabeças e preocupações. A mistura de amor simboliza o caráter inconstante do amor. A peça dentro de uma peça representa um espelho sustentado pelo desejo noturno de um solstício de verão. Essencialmente, a diversão está produzindo diversão por si mesma.

Shakespeare's usa temas poderosos, significado e comparação para criar um reino imaginário de sonhos e ilusão. A estrutura alegre da comédia permite que o público saiba que um final alegre está próximo e deixa o espectador à vontade para refletir sobre a dificuldade do amor, a magia ou o poder não natural de apreciar e o que é ilusão ou sonho.

1

  • Mais de 7 000 estudantes confiam em nós para fazer seus trabalhos
  • 90% de nossos clientes colocam mais de 5 pedidos conosco
Preço especial
R$5
/página
FAZER UM PEDIDO

Últimas postagens

Leia tópicos mais informativos em nosso blog
Membros: uma narrativa neo-escrava Composição
Freqüentemente, o homem recorre à narrativa como uma maneira de se reconciliar usando um incidente formidável no passado. Ao recontar o enredo para outra...
Uma análise aprofundada do ensaio "Hamlet" de Shakespeare
Além de Romeu e Julieta, Hamlet é provavelmente também provavelmente as tragédias mais famosas que Shakespeare já escreveu. Assim como qualquer outra...
A fonte de água de Marcel Duchamp e o ensaio dada pelo movimento dadaísta
Este é um artigo sobre o movimento dadaísta e uma obra de arte que certamente está muito associada à idéia dadaísta: Fonte simplesmente de Marcel...
E-book versus papel convencional Compare e disserte o contraste
Agora, a leitura é um dos elementos importantes em nossa vida. Fomos encontrados com os catálogos e aprendemos a ler como éramos crianças. Amantes de...
Uma análise do poema de Maya Angelou "Para um homem" Artigo
'A um homem' é escrito por Maya Angelou, cujo primeiro romance foi uma vida dela variando a sua vida (ativista, vocalista, garçonete, bailarina etc.)...
Artigo da poesia de Blake
A utilização de símbolos está entre as características mais impressionantes da poesia de Blake. Dificilmente existe uma composição escrita por Blake que...
Como Paradis mudou o ensaio mundial
No final dos anos 80, a música estava passando por uma grande mudança. As pessoas queriam algo novo, algo emocionante, especialmente a geração jovem....
Ensaio de avaliação das Oito Idades do Homem
As Oito Idades do Homem "é conhecido como um monólogo dramático na performance de Bill Shakespeare" Como você gosta. "O monólogo é dirigido por Jacques,...
Macbeth por Shakespeare: composição da crítica
Uma crítica em torno do personagem principal em Macbeth, de Bill Shakespeare. Tão desagradável e bom dia que eu não notei. "Esta é uma citação bem...
Verifique o preço
do seu trabalho
Nós aceitamos:
GARANTIA DO
SEU DINHEIRO
DE VOLTA
QUALIDADE
Assine nossas atualizações
42 877 subscritores
Suporte
+55 11 4680-2890
Segue-nos
O suporte ao cliente está disponível nos dias úteis, das 6 às 21 horas; aos sábados e domingos 12.00 - 18.00.