As 5 competências e habilidades da redação do Enem avaliadas

Publicado em 07.12.2021 por Juliana N. Tempo de leitura: 9 minutos

Para escrever uma redação nota 1000, é necessário ter domínio das cinco habilidades e competências do ENEM. Como a redação tem uma pontuação alta, ela possui o poder de aumentar a média geral do candidato.

Tabela de Conteúdos

Porém, obter uma boa nota na prova não é uma tarefa muito fácil, devido aos rigorosos critérios de correção. Veja a média das notas de 2020:

média das notas de 2020

Muito além de dar seu ponto de vista, é preciso apresentar fatos, opiniões e argumentos plausíveis, com a escrita formal da língua. Fonte: PNE

No Enem 2020, apenas 3,2% dos estudantes obtiveram mais de 900 pontos, o que é um valor incrivelmente baixo. Como você pode perceber no gráfico, a maior parte das pessoas tira entre 500 e 600 pontos. Veja como ficar acima da média com nossas dicas preciosas.

👨‍🎓

Você precisa de ajuda com sua redação?

Entre em contato e conte com nossa equipe de especialistas!

Verifique o preço

As cinco competências da redação do Enem

As competências da matriz de referência do Enem constituem o arcabouço normativo que engloba os critérios sob os quais o texto será analisado. Elas são fundamentais para que se tenha homogeneidade no processo de correção.

Ou seja, são aquelas regrinhas que todo corretor tem que levar em consideração ao ler seu conteúdo, pontuando de acordo com a adequação (ou falta dela). Veja quais são:

As cinco competências da redação do ENEM

As regras de uma redação são necessárias e podem ajudar a ressaltar as cinco competências avaliadas. Fonte: Studybay

O que cada competência exige

Agora que você já sabe que a pontuação dada não é uma questão de ponto de vista e sim de adequação a um sistema, entenda como deixar sua redação do ENEM incrível - aos olhos de quem vai corrigir.

Na realidade é bem simples! Muito além de falar sobre fatos, opiniões e argumentos, ter a escrita formal da língua portuguesa ou fazer a proposta de intervenção mais criativa, seus resultados dependerão desses fatores:

Competência 1: Domínio da escrita formal

Sua prova do ENEM é em português, assim como o texto que será escrito. Naturalmente, você deve ter domínio sobre ele. Veja quais são os detalhes que podem te fazer ganhar ou perder pontos preciosos na avaliação de redação com foco na competência 1:

Sua prova do ENEM é em português

A adequação à língua portuguesa é um dos critérios de correção pautados nos descritores da prova. Fonte: Studybay

Apesar da competência 1 avaliar características textuais diretamente relacionadas ao conhecimento do aluno da norma culta da língua, há algumas dicas que podem te ajudar a obter uma boa pontuação nesse critério:

  1. Revise o texto: não custa nada dar outra lida no rascunho, antes de passar para a folha definitiva. Isso pode evitar erros bobos na sua redação do ENEM.
  2. Evite palavras cujo significado você não conhece: é completamente desaconselhado encher sua redação com palavras difíceis, apenas para parecer culto. Corre o risco de usar alguma palavra fora de contexto, reduzindo seu desempenho.
  3. Não utilize gírias ou marcas de oralidade: por mais que você tenha orgulho da sua raiz, evite usar palavras regionais e principalmente gírias, na sua redação.
  4. Não utilize vírgulas de mais ou de menos: os critérios para a avaliação da sintaxe, isto é, da estrutura de cada frase (sujeito, predicado, complemento), ficaram mais exigentes nos últimos anos. Sendo assim, é necessário um cuidado especial com essa característica do texto. Vale uma revisão sobre o emprego de vírgulas antes da prova, para garantir que seu texto não possui vírgulas de mais ou de menos.

Confira a pontuação relativa aos critérios mencionados na competência 1:

Confira a pontuação relativa aos critérios mencionados na competência

Reprodução: Inep - Enem

Competência 2: Se ater ao tema

Não adianta encher sua redação com fatos, opiniões e argumentos que não se relacionam com o tema proposto. A competência 2 trata exatamente da adequação do ponto de vista ao que é proposto na prova.

É importante mostrar também um bom repertório sociocultural durante a construção argumentativa. Ele pode ser uma citação de autoridade, uma alusão histórica, um fato relacionado a diferentes áreas do saber, um livro ou até mesmo um filme.

Avaliadas as características relativas a esses parâmetros, o corretor atribuirá uma pontuação à competência 2 dessa forma:

Avaliadas as características relativas a esses parâmetros

Reprodução: Inep - Enem

Competência 3: Lógica na argumentação

Na competência 3 é a hora de mostrar seu ponto de vista no ENEM de maneira coesa e coerente, passando a relacionar, organizar e interpretar corretamente todo o raciocínio para chegar à conclusão. Essa competência é fundamental para um texto dissertativo argumentativo, pois interfere diretamente na nota.

Veja como conseguir mais pontos na competência 3:

Lógica na argumentação

Reprodução: Inep - Enem

Competência 4: Construção do texto

Na competência 4, é avaliada a capacidade do candidato de relacionar logicamente as informações, os fatos e as opiniões dentro do texto, isto é, empregar corretamente os conectivos. Porém, o que muitos dos estudantes não sabem é que essa competência analisa também outros elementos coesivos.

Mas o que são elementos coesivos? São justamente as palavras que estabelecem ligação entre duas partes do texto. Além dos conectivos, os pronomes e até os sinônimos são de extrema importância para construir textos coesos! A retomada de um termo por meio de um pronome pessoal ou de um sinônimo, por exemplo, é essencial para a coesão da redação.

Além disso, é indispensável saber o significado correto dos conectivos. É comum haver confusão derivada da similaridade entre alguns conectivos que possuem sentidos diferentes, o que pode acarretar um sentido completamente diferente do pretendido em seu texto e, consequentemente, prejuízo na nota da competência 4.

Confira a tabela com a pontuação relativa a cada ponto:

Construção do texto

Reprodução: Inep - Enem

Competência 5: Respeito

Essencial em todos os momentos da vida, o respeito é também avaliado na competência 5. Além do respeito aos direitos humanos, seu ponto de vista deve ir em busca de equidade e defesa dos que precisam de apoio, ela também avalia a qualidade da proposta de intervenção apresentada. Entenda melhor o que é essa etapa.

Os cinco elementos da proposta de intervenção

Presente na conclusão, a proposta de intervenção tem o intuito de sair da zona de diálogo e partir para a aplicação prática. É através dela que o estudante dá ideias de como resolver o problema, seguindo uma estrutura básica:

Ação (o que?) O que você sugere como solução prática e tangível para esse problema discutido.
Agente (quem?) Com quais instituições, públicas ou privadas, você pode contar, para fazer o projeto proposto na competência 5 acontecer.
Modo (como?) Indique os meios para realizar essa ação específica, visando relacionar, organizar e interpretar as melhores medidas para tal.
Finalidade (para quê?) Justificar o que será feito é fundamental para reafirmar a importância da sua ideia e validá-la diante do avaliador.
Detalhamento (explicação e exemplos) É hora de usar a língua portuguesa para mostrar todo seu potencial de mudança, explicando e exemplificando a intervenção.

Se a sua proposta de intervenção englobar esses cinco elementos e estiver relacionada ao tema proposto, respeitando os direitos humanos, é praticamente garantido que obtenha a nota máxima.

A proposta de intervenção também conta pontos importantes:

A proposta de intervenção também conta pontos importantes

Reprodução: Inep - Enem

O que fazer e o que evitar

Agora que você já conhece todos os critérios avaliados, é hora de perceber quais são os pontos que devem constar obrigatoriamente e os que devem ser evitados.

O que fazer O que não fazer
  • Faça um rascunho com todas as informações que pretende passar ao longo do texto.
  • Começar a escrever sem antes estruturar o raciocínio pode te fazer fugir do tema.
  • Depois de finalizar a escrita, faça uma revisão detalhada, eliminando os erros de português.
  • Entregar-se ao desânimo e deixar de revisar seu texto é apenas mais uma forma de reduzir pontos preciosos.
  • Evite o uso de palavras difíceis ou que você esteja em dúvida sobre sua grafia.
  • Falar bonito não é falar difícil. Se você escolher palavras complicadas, além de correr o risco de o corretor não compreender exatamente o seu ponto, pode também se equivocar no significado.
  • Apresente uma proposta de intervenção que seja possível e delimitada.
  • Criar um plano gigantesco e utópico pode fazer sua proposta de intervenção ser rejeitada logo na primeira linha.

Como é pontuada a redação do Enem

Como é pontuada a redação do Enem

Seguir os padrões da redação do ENEM, com o uso correto de competências e critérios para análise da redação, leva naturalmente a uma boa proposta de intervenção. Fonte: Pixabay

Na pontuação da sua redação, você vai receber uma nota de 0 a 200 para seu desempenho em cada competência. Ou seja, com uma tabela em mãos, o avaliador vai avaliar seu uso da língua portuguesa, lógica e outros fatores, para dar uma nota mais precisa ao seu texto.

Saiba que há mais de uma revisão, podendo ser duas ou três, a depender de alguns fatores, como por exemplo, uma discrepância muito grande entre um corretor e outro. Por isso é fundamental que seu texto esteja dentro do tema e mostrando sua competência como um todo.

Dadas as notas, o avaliador soma as que foram apresentadas e divide pela quantidade de corretores, chegando assim à tão esperada nota da redação no ENEM. Veja logo abaixo como chegar à redação nota 1000.

Vídeo de análise da redação nota 1000

Agora que você já conhece as cinco competências da redação do Enem para qualquer tema, veja uma análise de um texto que obteve a pontuação máxima no Enem 2018:

Estude ao máximo as competências e conte com nossa equipe

Para aperfeiçoar sua escrita de redação, o estudo e a prática são necessários. Aproveitando as dicas dadas nesse artigo, aprofunde-se sobre o tema das competências do ENEM avaliadas na redação por meio da Cartilha de Redação, disponibilizada anualmente pelo INEP para os candidatos. Ela pode ser acessada por aqui.

Se precisar de ajuda para desenvolver seu trabalho de forma a fazer um texto dissertativo argumentativo dentro do tema e com argumentos perfeitos, conte com o apoio dos nossos professores especialistas. Além de te ajudarem a se preparar para o exame do ensino médio, podem propor algum tema, corrigir seu texto e até escrever alguns modelos para você. Entre em contato no formulário!

Obtenha ajuda em sua redação do Enem

A partir de R$10 / página

Perguntas frequentes sobre a redação do Enem

O que solicita a 5.ª competência da redação do Enem?

Essa é uma das mais importantes competências da redação, pois além da pontuação do conjunto de habilidades de comunicação respeitosa e inclusiva, há uma pontuação extra para a proposta de intervenção. Então, muita atenção a esses dois pontos na sua escrita.

 

O que cada competência do Enem exige?

De forma geral, você deve dominar a escrita formal, se ater ao tema no seu texto dissertativo argumentativo, estabelecer uma lógica no discurso dissertativo argumentativo, construir o texto adequadamente e fazer uma excelente proposta de intervenção.

 

Checklist para a redação do Enem

 
 
 
 
 
Juliana N

Autora do Studybay

Meu nome é Juliana, sou Bacharel em Filosofia pela IFCH e pós-graduada em Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Unicamp. Tenho experiência grande com artigos, trabalhos acadêmicos, resumos e redações com garantia antiplágio.