USO DAS TECNOLOGIAS COMO ESTRATÉGIAS DE ENSINO E APRENDIZAGEM

Tipo de documento:Revisão Textual

Área de estudo:Gestão ambiental

Documento 1

Diante disso, este ensaio tem por objetivo analisar os benefícios que a tecnologia pode trazer para o processo de ensino aprendizagem. Ao final foi possível constatar que, quando bem utilizadas, as tecnologias podem trazer uma gama de benefícios para o processo de ensino-aprendizagem, contribuindo, especialmente, para que os alunos se tornem mais aptos a intervir na sociedade, visando à conquista da sua cidadania. Palavras-chave: Tecnologia; Educação, Benefícios. INTRODUÇÃO O ensino escolar de uns anos para cá está passando por várias transformações, o que faz o professor repensar seu fazer pedagógico, buscando práticas em que o aluno não seja mais um mero repetidor do conhecimento, mas que esteja apto a agir de forma consciente na sociedade em que vive. Sendo assim, hoje o maior desafio dos professores é fazer com que o ensino se torne significativo para o aluno. A educação e a tecnologia devem caminhar juntas, visando contribuir para a formação de um aluno mais crítico e apto a realizar determinadas tarefas que exigem um certo domínio dessas novas tecnologias. Cabe assim à escola não somente a responsabilidade de inserção das tecnologias no contexto escolar, mas a responsabilidade de usá-las de forma adequada para que, de fato, contribuam para a formação dos alunos, pois, nos dias de hoje, quem não têm conhecimento sobre o uso de tecnologias, certamente encontrará dificuldades para responder de forma satisfatória às demandas da sociedade. É preciso ser capaz de não apenas saber manejar os aparatos tecnológicos, mas saber extrair deles informações úteis para assim promover a construção do conhecimento.

É de grande importância conscientizar o professor a importância do uso das tecnologias na formação do educando, quebrando paradigmas tradicionais e mostrando que não basta apenas dominar a leitura e a escrita, já que se vive atualmente em uma sociedade altamente tecnológica. Sendo assim, este ensaio tem por objetivo discutir o uso das tecnologias na educação como estratégias ensino e aprendizagem. A preocupação maior era no “que ensinar” e “como ensinar” e omitiram-se as variáveis do “porquê educar” e “para quê” (TREVISAN, 2011). Hoje o uso das novas tecnologias na educação não se limita ao mero uso de equipamentos, pois se volta para a organização lógica das atividades, de modo que elas possam ser sistematicamente observadas, compreendidas e transmitidas (BUONO; PESSOA, 2009, p.

Conhecer e saber usar as tecnologias implica na aprendizagem de procedimentos para utilizar os artefatos tecnológicos e, principalmente, a aprendizagem das habilidades relacionadas ao tratamento de informação, ou seja, aprender a localizar, selecionar, julgar a pertinência, procedência, utilidade assim como capacidade para criar e comunicar-se por esses meios entre outras (BRASIL, 1998). De acordo com Moran (2007, p. As tecnologias são pontes que abrem a sala de aula para o mundo, que representam, medeiam o nosso conhecimento do mundo. Como o processo de aprendizagem abrange o desenvolvimento intelectual, afetivo, o desenvolvimento de competências e atitudes, pode-se deduzir que a tecnologia a ser usada deverá ser variada e adequada a esses objetivos (MASETTO, 2000, p. É função da escola, preparar as novas gerações para as demandas da vida cotidiana, que inclui o mundo do trabalho.

Por isso, é necessário garantir para toda a população um mínimo de conhecimento tecnológico, ou seja, incluir como conteúdos da educação obrigatória aspectos que se refiram ao conhecimento e uso das novas tecnologias. Isso não quer dizer que é preciso conhecer todos os recursos e saber manejá-los, mas ter contato com os mais utilizados na atualidade, desenvolvendo conhecimentos, habilidades e atitudes que favoreçam a inserção social e o exercício da cidadania. Uma das principais vantagens atribuídas ao uso das tecnologias na educação é a facilidade do acesso à informação e a rapidez desse processo. Faz-se necessário uma escolha consciente por parte dos educadores e dentro de princípios que visem mais à aprendizagem do estudante do que ao modismo. CONSIDERAÇÕES FINAIS Este ensaio tem por objetivo discutir o uso das tecnologias na educação como estratégias ensino e aprendizagem.

Com base nas reflexões que foram aqui tecidas, pode-se afirmar que quando bem utilizadas no âmbito educacional as tecnologias contribuem, efetivamente, para que os alunos, tornem-se mais aptos a intervir na sociedade, visando a conquista de sua cidadania. A utilização das tecnologias deve ser concebida como um recurso pedagógico para promoção da aprendizagem. Se for bem conduzido, o seu uso pode revolucionar a educação, pois facilita a apropriação do conhecimento de várias maneiras. M. S. Novas tecnologias de informação e comunicação nas relações de aprendizagem da estatística no ensino. Disponível em http://redeabe. org. br/gc/anexos/diartigos4. pdf. Acesso em 06/06/2019. MACHADO, N. J. ª Ed. São Paulo: Paulinas, 2007. TREVISAN, L. C. Dia internacional da criança na mídia: crianças de educação infantil no rádio.

78 R$ para obter acesso e baixar trabalho pronto

Apenas no StudyBank

Modelo original

Para download