Esse pedido já foi realizado no serviço StudyBay
Em Studybay, você pode encomendar sua tarefa acadêmica a um de nossos 10000 escritores profissionais. Contrate seu escritor diretamente, sem pagamentos extra de agências e afiliados!
Verifique o preço do seu trabalho

TESTAMENTO UTILIZANDO TECNOLOGIA DIGITAL EM TEMPOS DE COVID-19 E DIANTE DO PROVIMENTO 100/2020 DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA (CNJ), Resumo, Direito

Número do pedido
8106
Disciplina
Criado
4 de setembro 2020
Concluído
5 de setembro 2020
Preço
R$ 150,00
Ajude! É preciso fazer até direito. Tem só 1 dia Título do pedido «TESTAMENTO UTILIZANDO TECNOLOGIA DIGITAL EM TEMPOS DE COVID-19 E DIANTE DO PROVIMENTO 100/2020 DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA (CNJ)».
crowd
Houve
15 ofertas
user1132879
O usuário contratou o escritor
Esse pedido já foi realizado no serviço StudyBay
Em Studybay, você pode encomendar sua tarefa acadêmica a um de nossos 10000 escritores profissionais. Contrate seu escritor diretamente, sem pagamentos extra de agências e afiliados!
Verifique o preço do seu trabalho
Ou pode comprar esse trabalho....
user1132879
Páginas: 1
R$ 150,00
browser surf
Não gostou do trabalho?
Pode encomendar o trabalho acadêmico
de qualquer tema
Encomendar o trabalho novo

O isolamento social deflagrado pela pandemia causada pela propagação da Covid-19 suscitou muitas reflexões, inclusive quanto ao reconhecimento da falta de controle sobre o futuro próximo, aumentando o número de testamento elaborados. Mas, o isolamento também exigiu a adequação legal na elaboração dos testamentos, o que foi feito, no Brasil, pelo Provimento nº 100/2020, do CNJ, que passou a admitir outros meios de realização do testamento, diferentes das formas tradicionais.
Analisar o Provimento nº 100, de 26 de maio de 2020, do CNJ, quanto às alterações relativas aos testamentos e verificar a possibilidade de permanência das alterações após o término do isolamento.
: Os testamentos e a sua utilização pela sociedade se desenvolveu de acordo com a evolução do Direito. No direito romano a regra era a utilização de testamentos e, nenhuma desgraça superava a de um “pater familias falecer ab intestato; maldição alguma era mais forte do que a de augurar a um inimigo o morrer sem testamento. Finar-se ab intestato redundava numa espécie de vergonha” (MONTEIRO, 1998, p. 04). No entanto, essa aversão começou a ser desfeita aos poucos e, de forma gradual, o testamento foi criando forma e regras próprias.
CNJ. PROVIMENTO N. 100, DE 26 DE MAIO DE 2020. Disponível em: https://atos.cnj.jus.br/atos/detalhar/3334#:~:text=PROVIMENTO%20N.,MNE%20e%20d%C3%A1%20outras%20provid%C3%AAncias. Acesso em 08/07/2020
MONTEIRO, Washington de Barros. Curso de direito civil: Direito das Sucessões. 32 ed. São Paulo: Editora Saraiva. 1998.
RIZZARDO, Arnaldo. Direito das sucessões. Rio de Janeiro: AIDE, 1996.
StudyBay é uma plataforma de freelance. Todos os trabalhos apresentados no site são enviados por nossos usuários que tenham concordado comregras d a colocação de trabalho no site e ter todos os direitors autorais necessários para esses trabalhos. Baixando o trabalho, você concorda que ele não será apresentado como o seu próprio, mas será usado apenas como um exemplo ou fonte, com a referência obrigatória para a autoria do trabalho. Se você é o proprietário dos direitos autorais e considera que este trabalho é postado aqui sem a sua permissão - por favor preencha o formulário e nós removemos o trabalho do site. Preencher os campos
Avaliamos em 10 minutos de graça
Não gostou do trabalho?
Pode encomendar qualquer trabalho acadêmico aos nossos escritores a partir de 5 reais! Faça o pedido e receberá as ofertas em 10 minutos!
Fazer um pedido