Parabens! R$10 serão adicionados ao seu saldo depois de registração

O Nosso Curso de Auxiliar de enfermagem do Trabalho

Trabalhar na área de saúde é o sonho de muita gente e as opções de carreira são mais variadas do que muitos imaginam. A Enfermagem é diversa e composta por três categorias: enfermeiro, técnico e auxiliar. Cada uma tem competências e características distintas e quem deseja trabalhar com assistência a pacientes deve conhecer cada possibilidade. Saiba tudo sobre a profissão, o que fazem, onde podem atuar e como ingressar na carreira fazendo o Curso de Auxiliar de enfermagem do Trabalho.

Como funciona

Estudante cria o pedido

Estudante cria o pedido

Escritores dão ofertas

Escritores dão ofertas

Estudiante contrara o escritor

Estudiante contrara o escritor

ESCRITOR COMEÇA A TRABALHAR

ESCRITOR COMEÇA A TRABALHAR

Calculadora de Preço
Nós temos os melhores preços, veja por si mesmo!
Data de entrega
Especifique quando gostaria de receber o projeto do especialista. Deixe mais alguns dias se precisar que o mesmo seja revisado. Você terá 20 dias de garantia para solicitar quaisquer revisões, gratuitamente.
Páginas
Palavras
+
Nosso Preço
Nosso preço é calculado com base em dados estatísticos retirados das ofertas do escritores da Studybay
Preço dos concorrentes
Nós coletamos e analisamos dados da média de preços oferecidos pelos websites concorrentes
R$ 0 MELHORES PREÇOS
R$ 0

O auxiliar, muitas vezes, é quem tem o primeiro contato com o paciente. Ele passa informações e faz a preparação para encaminhá-lo aos cuidados de médicos e enfermeiros. Esse profissional necessita ter uma visão global de todo o atendimento para poder prestar um serviço de qualidade. Em parceria com os enfermeiros, são o braço direito dos médicos – formam uma equipe fundamental para a boa recuperação dos pacientes.

Os primeiros socorros, os primeiros cuidados ao trabalhador que sofreu um acidente de trabalho; Ministrar de medicamentos para aquele trabalhador que possa estar com doenças do trabalho, Coleta de material para exame, organizar e cuidar da vacinação de empregados, organizar prontuários de atendimento, organizar os ASOs (Atestado de Saúde Ocupacional) e exames complementares, pode trabalhar também na imobilização e pode auxiliar o Enfermeiro do Trabalho.

A definição de saúde possui implicações legais, sociais e econômicas dos estados de saúde e doença; sem dúvida, a definição mais difundida é a encontrada no preâmbulo da Constituição da Organização Mundial da Saúde: saúde é um estado de completo bem-estar físico, mental e social, e não apenas a ausência de doenças.

Os principais determinantes da saúde incluem o ambiente social e econômico, o ambiente físico e as características e comportamentos individuais da pessoa. Em geral, o contexto em que um indivíduo vive é de grande importância na sua qualidade de vida e em seu estado de saúde. O ambiente social e econômico são fatores essenciais na determinação do estado de saúde dos indivíduos dado o fato de que altos níveis educacionais estão relacionados com um alto padrão de vida, bem como uma maior renda. Geralmente, as pessoas que terminam o ensino superior têm maior probabilidade de conseguir um emprego melhor e, portanto, são menos propensas ao estresse em comparação com indivíduos com baixa escolaridade.

O auxiliar faz parte de uma equipe, composta por médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem, entre outros especialistas como irá ver no Curso de Auxiliar de Enfermagem do Trabalho. Em linhas gerais, tem a função de zelar pelo bem estar do paciente, cuidando de sua higiene e alimentação, fazendo curativos e ministrando medicamentos. Sua lista de atribuições diárias é extensa. Podemos citar algumas de suas principais atividades:

  • Preparar pacientes para consultas e exames.
  • Realizar e registrar exames, segundo instruções médicas.
  • Orientar e auxiliar pacientes, prestando informações relativas a higiene, alimentação, utilização de remédios e cuidados específicos em tratamento de saúde.
  • Verificar em unidades hospitalares os sinais vitais e as condições gerais dos pacientes, segundo prescrição médicas.
  • Colher e ou auxiliar paciente na coleta de material para exames de laboratório, segundo orientação.
  • Cumprir as medidas de prevenção.
  • Ajuda nos exames admissionais, periódicos e demissionais, quando solicitado.
  • Efetuar o controle diário do material utilizado.
  • Cumprir prescrições de assistência médica
  • Realizar imobilização do paciente mediante orientação.
  • Realizar registros das atividades do setor, ações e fatos acontecidos com pacientes e outros dados, para realização de relatórios e controle estatístico.
  • Preparar e administrar medicações por via oral, tópica, intradérmica, subcutânea, intramuscular, endovenosa e retal, segundo prescrição médica.
  • Executar atividades de limpeza, desinfecção, esterilização do material e equipamento, bem como seu preparo, armazenamento e distribuição.
  • Realizar procedimentos prescritos pelo Médico ou pelo Enfermeiro.
  • Executar outras tarefas para o desenvolvimento das atividades do setor, inerentes à sua função.

Além disso, o auxiliar pode participar também de serviços mais administrativos, como fazer o controle, a contagem e o registro diário dos materiais ambulatoriais utilizados (gesso, seringas, bandagens, agulhas etc.), além de ajudar nos trâmites de rotina relacionados à admissão e alta dos pacientes.

O auxiliar encontra um amplo campo de trabalho no Brasil, principalmente quando falamos de regiões mais afastadas das capitais e dos grandes centros do Sul e Sudeste, ou áreas de maior vulnerabilidade socioeconômica. Segundo o Conselho Federal de Enfermagem (COFEN), cerca de 2 milhões de profissionais trabalham na área no Brasil. Destes, aproximadamente 428 mil são auxiliares de enfermagem.

Eles podem atuar em hospitais, clínicas, consultórios médicos, postos de saúde, laboratórios de análises clínicas, unidades de diagnóstico, centros de recuperação, casas de repouso, asilos e creches. Há também a possibilidade de prestar atendimentos em

  • Domicílio
  • Hospitais
  • Laboratórios
  • Clínicas
  • Clínicas de Estética
  • Casa de Repouso
  • Creches
  • Postos de Saúde
  • SAMU
  • Grandes empresas

Quanto ganha um auxiliar? A média salarial pode ser em torno de R$ 1.693. Essa cifra, no entanto, apresenta variações para mais ou para menos segundo a região do país, o porte da empresa contratante e o tempo de experiência. O Site Nacional de Empregos (SINE) revela que um auxiliar em início de carreira trabalhando em um pequeno hospital ou clínica recebe em torno de R$ 1.100 por mês. Já um profissional com mais experiência, trabalhando em uma grande empresa, pode chegar a ganhar um salário de aproximadamente R$ 2.800.

Outro fator importante a ressaltar é a possibilidade do auxiliar de enfermagem acumular mais de um trabalho, adaptando seus turnos para poder prestar serviços em mais de um lugar. Assim, seus ganhos mensais podem aumentar.

O que é a MyStudybay.com.br

  • Mais de 15 anos de experiência na assistência de redação acadêmica
  • 100% de escrita original
  • Avaliação de cliente de 97%
  • 24/7 FREE customer support via phone and email
  • Política flexível de descontos
  • Serviços VIP disponíveis
  • Todos os temas disponíveis

Atividade do site de hoje

Preparando pedidos
Preparando pedidos
635
Pedidos concluídos
Pedidos concluídos
380
Escritores ativos
Escritores ativos
6077
Revisores
Revisores
86
Programas de desconto disponíveis para clientes
Programas de desconto disponíveis para clientes
6
Avaliações de Clientes
Avaliações de Clientes
57
Operators online
Operators online
10

What we offer

FREE features in every project

grátis

Desconto total: $65

  • Resumo$5
  • Correções*$30
  • Página de título$5
  • Bibliografia$15
  • Formatação$10

Formato

Todos os formatos são disponíveis

Nossos descontos

Preço especial $5 /página

Está sem tempo para fazer seu trabalho? Fique tranquilo, o fazemos para você. Temos especialistas tanto para trabalhos escolares quanto para dissertações de mestrado/doutorado

Consiga ajuda com qualquer tipo de trabalho